Sejam bem-vindos

Sejam bem-vindos

Clique na imagem e assine a petição

Seguidores

Siga-nos no facebook e curta nossa página

terça-feira, 26 de maio de 2009

Pedagogia Hospitalar



“TODA CRIANÇA TEM DIREITO À EDUCAÇÃO”

A criança hospitalizada é tida como uma criança especial e de acordo com a LDB (Lei de Diretrizes e Bases) 9394/96 capítulo V: Todas as crianças especiais têm direito à educação.

Como incluir estas crianças no plano educacional? Através da Pedagogia Hospitalar.

Como funciona este serviço??? Todos os hospitais deveriam ter em sua equipe profissional um Pedagogo especializado em Pedagogia Hospitalar para atender às crianças que estiverem internadas por pelo menos 1 semana.

Nos períodos de curto prazo de internação (1 semana) são realizadas atividades lúdicas afim de manter o estímulo cognitivo;

Nos períodos de médio a longo prazo de internação (mais de 10 dias) faz-se necessária a continuidade do conteúdo escolar, sendo dever da escola disponibilizar um professor para levar o material necessário para tal. As atribuições do profissional Pedagoga Hospitalar podem variar desde brincadeiras até leituras, dinâmicas e ensinamentos, dependendo das necessidades dos pacientes e suas respectivas faixas etárias.

SABENDO DA OBRIGATORIEDADE DESTE SERVIÇO, O QUE FAZER SE O HOSPITAL NÃO TIVER UM PEDAGOGA HOSPITALAR???

Informar a assistente social do hospital sobre o caso para que as providências necessárias sejam tomadas. Na necessidade da continuidade dos estudos escolares, a assistente social deverá entrar em contato com a escola do paciente.

A criança hospitalizada é mais sensível, passa por diversas dificuldades tanto físicas como emocionais, e o apoio Pedagógico desta criança tem um papel fundamental na sua recuperação, assim como o apoio psico - pedagógico aos seus pais.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...